16/11/2016

onde me perdi de mim mesma?

cansada de acordar e por mais que cada dia tenha um acontecimento novo, preciso de ação. cansada do trabalho e das mesmas pessoas, cansada do dia a dia, do cotidiano, de ter me tornado aquilo que mais temia. porra. cade os sonhos? ficaram presos à hora em que o corpo descansa? cade a mente destemida de quando criança? teria caído tantas vezes que parei de levantar? agora só ajoelho, peço perdão e aceito calada aquilo que antes não aceitaria nunca. que houve comigo? que há de errado? onde foi que me perdi e aceitei calada tudo aquilo que mais temia? e agora, mesmo farta de tudo, continuo na mesma! porra! pergunto novamente: que há de errado comigo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário